Cegueira Noturna: Nictalopia

post17nov

A nictalopia, ou cegueira noturna, é caracterizada pela dificuldade de enxergar durante a noite ou em ambientes com pouca luminosidade. Sua causa está relacionada a um distúrbio nos bastonetes da retina que possibilitam a visão em ambientes escuros.

Para definir o tratamento adequado, o oftalmologista precisa identificar a causa, visto que a nictalopia não é uma doença e sim um sintoma de possíveis patologias oculares.

Dentre algumas causas, podemos citar:

  • Miopia: visão borrada ao olhar para objetos distantes;
  • Catarata: opacidade do cristalino do olho;
  • Retinite pigmentosa: pigmento escuro se acumula na retina, ocasionando visão tubular;
  • Síndrome de Usher: doença genética que afeta a visão e a audição;
  • Deficiência de vitamina A(em casos mais raros): pacientes com doenças hepáticas ou do pâncreas, às vezes, não conseguem absorver grandes quantidades de vitamina A. Esta vitamina exerce funções na transformação de impulsos nervosos em imagens na retina. Logo, os portadores destas doenças apresentam risco de desenvolver cegueira noturna;
  • Pacientes com níveis altos de glicose(açúcar) no sangue ou diabetes: apresentam maior risco de desenvolver doenças oculares como catarata.

Quando a cegueira noturna é ocasionada por miopia, catarata ou deficiência de vitamina A, existem tratamentos. O uso de lentes corretivas (óculos ou lente de contato) melhora a visão míope durante a noite e o dia.

Consulte seu médico oftalmologista.